APAE de Belo Horizonte recebe prêmio em Brasília

APAE de Belo Horizonte recebe prêmio em Brasília

Em 25 de setembro de 2015, por meio da Resolução nº 10/2015, a Câmara dos Deputados instituiu o Prêmio Brasil Mais Inclusão, concedido, anualmente, a no máximo dez empresas públicas ou privadas, entes federados (União, Estados e Municípios) e personalidades que tenham trabalhado e agido de forma relevante pela inclusão de pessoas com deficiência.

Os critérios para concessão do prêmio baseiam-se nos valores básicos da igualdade de tratamento e oportunidade, da justiça social, do respeito à dignidade da pessoa humana, do bem-estar e de outros presentes na Constituição e na legislação vigente, que valorizam a pessoa com deficiência e preservam seus direitos.

Esta menção honrosa é um sinal de reconhecimento à pessoa com deficiência e uma homenagem a empresas ou personalidades que tenham realizado ações em prol da inclusão de pessoas com deficiência ou sejam, elas próprias, exemplos de vida e superação.

O “Prêmio Brasil Mais Inclusão” é concedido a 10 vencedores, sendo 5 empresas, ONGs e entidades que concorrem na categoria “Mérito João Ribas” e, a partir deste ano, as 5 personalidades e entes federados (União, Estados e Municípios) vencedores estarão na categoria “Mérito Darci Barbosa”.

Entre os agraciados de 2017 está a APAE de Belo Horizonte, cuja presidente, Sra. Judith Monteiro, recebeu o prêmio ontem, dia 20 de setembro, na Câmara dos Deputados, em Brasília, como reconhecimento pelo projeto de inclusão social da pessoa com deficiência intelectual desenvolvido na entidade, com utilização da metodologia Emprego Apoiado.

Em seu discurso, Judith Monteiro afirmou que “o discurso da inclusão invadiu a sociedade e vem sendo utilizado em diversos contextos como forma de referir-se à justiça social. Mas inclusão não significa apenas estar presente num determinado espaço, e sim pertencer a ele, fazer parte dele e participar dele ativamente.”

Ela acrescentou, também, que “é preciso mudar nosso olhar vertical e reducionista, que olha de cima para baixo, não vê e não sente, para um olhar horizontal e ampliador/ampliativo que abre as possibilidades de mudança. É com essa visão de mundo que nós da APAE de Belo Horizonte temos lutado para construir uma sociedade mais justa e inclusiva”.

Muito emocionada, Judith agradeceu a indicação da APAE-BH, feita pelo Deputado Federal Eduardo Barbosa, para receber o prêmio e externou sua gratidão eterna a Darci, ex-superintendente da APAE-BH, que foi e continuará sendo a grande inspiradora desse trabalho.

Prêmio Hors-Concours

Este ano, o Conselho Deliberativo do Prêmio Brasil Mais Inclusão decidiu, por unanimidade, conceder um prêmio Hors-Concours para a Sra. Darci Barbosa, esposa do deputado Eduardo Barbosa, que faleceu prematuramente em decorrência de um acidente automobilístico. Ao longo de sua vida, Darci Barbosa lutou incansavelmente pela defesa dos direitos e melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2018 Todo direito reservado - APAE-BH 

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?